A Câmara aprovou, nesta quarta-feira (5), por unanimidade, urgência para o projeto que autoriza o uso de leitos ociosos nos Hospitais de Forças Armadas para uso pela população civil em geral.

A medida foi apresentada como alternativa à alta demanda por leitos hospitalares, a exemplo do ocorrido no Amazonas, que em fevereiro, durante pico da segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus no Estado, registrou o esgotamento da rede civil de saúde pública.

Segundo o texto, de autoria do deputado Eduardo Bismarck (PDT-CE), os leitos seriam disponibilizados por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) enquanto durar a emergência causada pela pandemia do novo coronavírus.

Deixe uma resposta

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há dez anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!