Contra agendamento

O Ministério Público Federal (MPF) deu parecer favorável à suspensão do agendamento para a vacinação contra a covid-19 no Distrito Federal. A manifestação ocorreu em uma ação proposta OAB-DF na 3ª Vara da Justiça Federal. A entidade requereu liminar em ação civil pública para impedir a exigência de cadastro prévio para aplicação da vacina. Ainda ontem (19/7), o próprio governo anunciou que suspenderia o agendamento para as próximas vacinações para faixa etária a partir de 37 anos. No parecer, o procurador da República Felipe Fritz Braga cita representações de cidadãos que reclamam por não terem conseguido se vacinar.

Autor

Reivindicações da Polícia Civil do DF – Resenha com Alex Galvão em 27/10/21

27/10 às 20:00
Reivindicações da Polícia Civil do DF – Resenha com Alex Galvão em 27/10/21

Horas
Minutos
Segundos
Estamos ao vivo