As duas últimas edições do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) anunciaram a exoneração de Sócrates Ornelas, então diretor do Hospital Regional da Asa Norte (HRAN), e de Luciano Almeida, que estava à frente da Região de Saúde Central. As demissões aconteceram logo após a suspensão de cirurgias no HRAN, por problemas no ar-condicionado.

Reginaldo Veras foi o primeiro a tratar do assunto em plenário. Para ele, a decisão do governador Ibaneis Rocha “não resolve o problema”. O deputado Chico Vigilante (PT) também criticou as exonerações: “Não há condição para desempenhar as funções

Leia Também:  A briga pelo comando da CLDF

Outro distrital a dirigir críticas ao governo foi o deputado Leandro Grass (Rede). O distrital ainda lamentou a falta de repasses do GDF para clínicas credenciadas para oferecer serviços de hemodiálise a pacientes com problemas renais.

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há nove anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!