O Diário Oficial do Distrito Federal publicou algumas exonerações do agora ex-governo de Rodrigo Rollemberg. Entres os nomes, está o do secretário de Saúde Humberto Fonseca. Ele assumiu em março de 2016 e sua saída foi divulgada hoje (1º/1).

Fonseca chegou a publicar um balanço de sua gestão à frente da SES com um longo texto no facebook. Ele trouxe alguns números de melhoras. Por exemplo, o ex-secretário informou que de R$ 55 milhões por mês sem contrato em 2016, a SES reduziu para menos de R$ 300 mil mensais no final da gestão. Foram 99,96% de redução.

Leia Também:  Disputa interna no PSDB infla filiações ao partido no DF

Mas Fonseca deixou claro em seu texto:

“Não completamos todos os nossos projetos. Não conseguimos concluir tudo o que queríamos. Muito ainda há a fazer, mas tenho certeza de que a equipe que assume encontrará uma Secretaria organizada, completamente informatizada, processo eletrônico implantado, com seus procedimentos internos normatizados de forma clara, práticas corretas, contas em ordem e uma reforma sanitária avançada.”

Para ver todo o texto publicado pelo ex-secretário clique aqui.

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Said
Said
1 ano atrás

Não vejo a hora dele e de seus comissionados irem para a cadeia por genocídio da população, falsidade ideológica, crimes cometidos contra a população, servidores e administração públiuca

Odir Ribeiro

Odir Ribeiro é jornalista, blogueiro e multimídia que desde 2011 cobre os bastidores da política do DF.