GDF publica edital de chamamento para hotéis abrigarem idosos

Nesta segunda-feira (27) foi publicado, no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), o Edital de Chamamento nº 3/2020, da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), destinado a nova pesquisa de preços para a prestação de serviços de hospedagem às pessoas com mais de 60 anos no Distrito Federal (DF) durante a pandemia de coronavírus.

No entanto, os primeiros hóspedes, moradores de locais inadequados ao isolamento social, começaram a chegar na última quarta-feira (25) no Brasília Palace Hotel.

Este é o segundo chamamento para os hotéis se aliarem à ação do GDF, coordenada pela Sejus. Na primeira chamada, houve a adesão do Brasília Palace Hotel.

Já são 800 os inscritos no processo de seleção. A secretária da Sejus, Marcela Passamani comunicou, na semana passada, que novo chamamento público seria feito aos hotéis para a ampliação das vagas neste momento em que a população precisa de isolamento social.

“Estamos muito felizes com o resultado desta iniciativa. Nossas equipes continuam fazendo as triagens para a seleção das pessoas e são muitos os idosos que ainda aguardam pela oportunidade”, disse a secretária da Sejus.

 

Edital

O chamamento prevê a prestação de serviços de hospedagem pelo período de três meses, podendo ser prorrogado por igual período, incluindo fornecimento de refeição (café da manhã, almoço, lanche e jantar), em quartos preferencialmente duplos, para grupos de, no mínimo, 100 (cem) e de no máximo 300 (trezentas) pessoas, com idade igual ou superior a 60 anos, de ambos os sexos.

Os hotéis interessados deverão, portanto, encaminhar a proposta a partir desta segunda-feira (27) até a próxima quarta-feira (29) para o e-mail [email protected]. Em caso de contratação, as empresas selecionadas poderão iniciar a hospedagem em até 72 horas, contados a partir da assinatura do contrato.

Mais informações no Edital de Chamamento nº03/2020.

Projeto

A ação Hotelaria Solidária faz parte do programa Sua Vida Vale Muito, desenvolvido pela Sejus para proteger a população idosa da Covid-19.

O DF tem 14 mil idosos com moradia inadequada, identificados em levantamento feito pela Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan) a pedido da Sejus. São idosos que vivem sem condições de isolamento social dentro da própria casa.

O projeto foi criado com a finalidade de oferecer estratégias efetivas de distanciamento social para este público, considerado o mais vulnerável nesta pandemia do coronavírus.

E aí, o que achou da matéria "GDF publica edital de chamamento para hotéis abrigarem idosos"?

Sabia que agora você pode receber nossas notícias em primeira mão, diretamente no seu whatsapp?

 Também poderá interagir com a redação da Rádio Corredor enviando opiniões e propondo pautas! Basta clicar aqui e mandar uma mensagem para nós.

Autor


Horas
Minutos
Segundos
Estamos ao vivo