A capital federal vai ganhar uma nova opção de lazer adaptada ao contexto de distanciamento social, em um espaço que marcou gerações de brasilienses: o pedalinho do Parque da Cidade. Desativado há vários anos, o local será reformado por iniciativa dos organizadores do Festival Flutua, previsto para ocorrer durante todo o mês de outubro.

De acordo com a assessora Clarice Gulyas, a programação contará com shows, espetáculos teatrais e sessões de cinema, com opções também para o público infantil.

Como o nome do evento sugere, a ideia é que os brasilienses confiram as apresentações sobre a água, acomodados em botes e pedalinhos ancorados em vagas fixas, a exemplo do que ocorre em um drive-in.

A ideia é inspirada nos cinemas flutuantes de Paris e Tel-Aviv e visa garantir entretenimento e respeito às medidas de segurança contra a Covid-19. Segundo a produção, esse será o primeiro festival flutuante do Brasil.

Leia Também:  Publicidade do GDF prevê até 'Semana do Pimentão'
WhatsApp Image 2020 09 10 at 22.39.39 1 1024x576 - Pedalinho do Parque da Cidade será reativado após décadas de abandono

Dinâmica

O público poderá adquirir ingressos para pedalinhos para duas pessoas, bem como para botes instagramáveis em formato de Flamingo, Unicórnio, Pato e Cisne, com capacidade para até quatro pessoas. Já as atrações serão exibidas em telão de LED de alta definição.

Cada sessão terá até 300 pessoas, em um espaço de 1.500 m² de área coberta, com tenda de 10m de altura, para proteger o público das chuvas de outubro. Os ingressos custarão entre R$ 70 e R$ 160 a meia-entrada.

A Illusoria Features, responsável pela organização do evento, adiantou que haverá uma sessão de cinema aberta ao público, no dia 30 de setembro, às 21h. Os ingressos serão sorteados entre os seguidores do Festival no Instagram, mediante cadastro no site.

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há nove anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!