rosso - Rogério Rosso sempre na cara do gol
Abro essas linhas dizendo que o deputado federal, Rogério Rosso (PSD-DF), é um caso na política a ser bem estudado. O parlamentar sempre está na hora, no local e nas circunstâncias corretas. No cenário político, o nosso personagem sempre esteve na cara do gol. Os dias atuais mostram isso.
Mais uma vez  a história se repete e o deputado está prestes a assumir um cargo relevante. A presidência da Câmara dos Deputados já é praticamente uma realidade. Nos bastidores dizem que Rosso tem o “bumbum” virado para a lua. Mas não é só sorte. Outros fatores mantém o parlamentar na “boa”.
Rogério Rosso é um tipo de político que erra como outro qualquer. Mas o seu poder de articulação e a forma como enxerga política o torna diferenciado. Seu poder de articulação é inquestionável. Além de analisar o cenário político sem paixão e não se abater com ataques baixos. Rosso é um dos políticos mais criticados que conheço. A turma dos bastidores dizem poucas e boas a seu respeito. Mesmo assim, nada abala a sua precisão. Sua competência  o coloca no local que é para estar. 

Cronologia resumida de Rogério Rosso 
Em 2010 o homem foi governador-tampão do Distrito Federal. Na época ele desbancou o então presidente da Câmara Legislativa. Diz a lenda que Rosso na hora que recebeu a notícia de que seria o nome, estava dormindo de bermuda e chinelo. 
Em 2011, Rosso conseguiu ser presidente do PSD-DF, um partido recém-fundado e que foi decisivo para a sua ascensão política. Mais uma vez na cara do gol. 
Em 2014, Rogério consegue se eleger deputado federal e de cara consegue emplacar o improvável Renato Santana como vice-governador. Uma aposta certeira
Já em 2015 consegue ser líder do PSD na Câmara dos Deputados. Essa situação o ajuda colocá-lo como presidente da Comissão do Impeachment.  A sua atuação serena e sem vaidades hoje, o coloca como favorito a presidência da Câmara Deputados. 
Agora é só esperar as cenas dos próximos capítulos…
Fonte: Redação
vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments