Assim como o deputado distrital Jorge Vianna (Podemos) – leia-se Sindate -, o SindSaúde também teve a mesma interpretação das falas do governador Ibaneis Rocha sobre não dar reajuste a servidores este ano. A negativa seria apenas para novos reajustes.

Mesmo assim, o SindSaúde deu um espécie de ultimato ao governo. E anunciou uma assembleia geral dos servidores da Saúde para o dia 4 de julho. A data é logo após o prazo firmado pelo governo para pagamento da GATA ou parte dela.

Leia Também:  Rosso cotado para presidir a Câmara

Viraram a ampulheta…

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Michael Rodrigues de Lima Pereira

Ibaneis está se tornando um Rollemberg piorado já nos 3 primeiros meses de governo mentiu à campanha inteira, cadê o fim da Agefis e o direito amplo e pleno de defesa das vítimas das derrubadas? Cadê o aumento dos policiais civis a paridade prometida? Cadê o choque de gestão na saúde pública? Cadê os empregos e a desburocratização?

elias lopes da silva
1 ano atrás

Gostaria de poder acreditar que essa lua de mel de Marlibabá e Ibaneis estar dando água, más com tantoss cargos que ela tem no governo dele, mais até do que Distritais da Base aliada, é muito difícil disto acontecer.

Odir Ribeiro

Odir Ribeiro é jornalista, blogueiro e multimídia que desde 2011 cobre os bastidores da política do DF.