Consultas a distância na rede pública de saúde com a finalidade de desafogar as filas nas unidades e melhorar o tendimento durante a pandemia do novo coronavírus será implementado pelo GDF. A expectativa é de que a telemedicina comece a funcionar em menos de um mês.

O acesso ocorrerá por meio de um aplicativo desenvolvido pelas secretarias de Saúde, Ciência e Tecnologia e também pela Fiocruz.

“Essa plataforma vai criar condições para pacientes serem atendidos mais rapidamente pelo Samu, para melhorar nosso mapeamento de leitos e gestão de filas. Vai fazer uma revolução na gestão de dados e do Sistema de Saúde”, afirma o secretário de Ciência e Tecnologia do DF, Gilvan Máximo.

O objetivo, no entanto, é que até o fim da pandemia, se consiga zerar a fila de consultas no sistema de saúde do DF. “Com a inteligência artificial, o médico vai dar parecer e pedir até exames a distância”.

Leia Também:  Mais uma da PMDF

E acrescenta: “Em alguns casos, o paciente não precisará ir nenhuma vez ao médico presencialmente para receber diagnósticas, receitas e encaminhamento.”

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há nove anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!