O deputado federal Luis Miranda (DEM) foi o primeiro parlamentar do DF a apoiar a criação de uma CPI com a finalidade de colocar na cadeia quem se aproveita deste momento para saquear os cofres públicos.

Em abril, a Bancada do DEM, partido de Miranda, apresentou requerimento para instalação de uma Comissão para investigar a prática de preços abusivos na venda de materiais de combate à pandemia do novo coronavírus.

“Estamos vendo na imprensa diversos notícias de prefeituras e governos pagando o dobro, o triplo por produtos, aparelhos e serviços. E não é sensato o empresário fazer esse sobrepreço principalmente em que todos estão lutando pra salvar vidas. Eu gostaria de entender qual a justificativa de um gestor pagar um valor em algo e outro gestor pagar três, quatro vezes mais. É isso que proponho com a CPI: investigar os abusos praticados por empresas do setor de saúde”, disse Luís Miranda na ocasião.

Operação Falso Negativo

Hoje (25), após prisão do secretário de Saúde, Francisco Araújo, em uma operação que investiga na compra de testes para detecção da Covid-19, Miranda voltou a falar no assunto.

“Todo indício de desvio de recurso público deve ser investigado. Principalmente tratando de saúde e deste momento de pandemia. Espero que tudo se esclareça. Nós, que lutamos por mais recursos para a Saúde com o intuito de salvar vidas, queremos que tudo seja exposto com transparência e verdade”

2 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há dez anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!