Até o momento não há como definir 100% quem foi o autor do voto a mais no Senado Federal no caso da eleição para presidente da mena da Casa.

No episódio, foram depositadas, nas urnas, 82 cédulas, apesar de haver apenas 81 senadores.

De lá para cá, já se vão 78 dias de investigação e nada. E, segundo informa o portal Anexo 6, o corregedor da Casa, senador Roberto Rocha (PSDB-MA), disse que “se não tiver 100% de certeza, não vou apontar o dedo para ninguém”.

Leia Também:  Milícia de Muzema na mira da Polícia Civil do Rio

O jornal Estado de São Paulo de hoje (22) informa que até agora, pelas imagens analisadas, “não é possível identificar com clareza o autor”.

Na votação foi eleito Davi Alcolumbre (DEM/AP) com presidente da Casa.

 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Odir Ribeiro

Odir Ribeiro é jornalista, blogueiro e multimídia que desde 2011 cobre os bastidores da política do DF.