Aliado da esquerda brasileira confessa assassinatos

Amigo de muitos membros da esquerda brasileira, o ex-ativista de extrema-esquerda italiana Cesare Battisti reconheceu a um juiz italiano que é responsável por quatro assassinatos cometidos nos anos 1970. Vale lembrar que ele ficou foragido durante 40 anos e muito desse tempo no Brasil.

Ele foi agraciado pelo governo do PT que impediu que Battisti fosse extraditado. A mamata acabou!