Em meio ao agravamento da pandemia de coronavírus no país, a Câmara dos Deputados aprovou, nesta terça-feira 13), uma proposta que prorroga até 31 de julho o prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física referente ao exercício de 2021.

O texto, que segue para a sanção do presidente Jair Bolsonaro, incluiu uma emenda que limita a dezembro deste ano o prazo de vencimento de parcelas do imposto a ser pago, um pedido feito pelo governo para evitar perder arrecadação orçamentária.

Na véspera, a Receita Federal havia adiado a entrega da declaração de IR para 31 de maio. O prazo original era 30 de abril. No ano passado, também houve prorrogação do prazo de entrega por decisão administrativa.

Deixe uma resposta

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há dez anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!