Novas medidas para mitigar os efeitos do coronavírus na economia são esperadas. A Câmara dos Deputados deve implementar seu sistema de votação on line.

O Banco Central divulga a ata da última reunião do Copom, que reduziu os juros de 4,25% para 3,75% ao ano. O BC também divulga prévia do PIB de janeiro (IBC-Br).

Na quarta, o IBGE divulga a inflação parcial de março (IPCA-15). Veja os principais itens da agenda.

Esta semana

✓ O governo pode pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) para prorrogar a vigência de medidas provisórias, que têm prazo de 120 dias para ser analisadas pelo Congresso Nacional.

✓ Prevista entrada em funcionamento do sistema de votação on line da Câmara dos Deputados.

Terça, 24/03

✓ O Senado pode, a princípio, votar a Medida Provisória 899/19, que regulamenta a negociação de dívidas com a União em um procedimento conhecido como transação, com descontos de até 50% e parcelamento em 84 meses.

✓ O BC divulga a ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), quando o colegiado reduziu de 4,2% para 3,75% a taxa básica de juros.

Leia Também:  Finalmente veio o reajuste salarial

✓ Último dia de vigência da MP 898/19, sobre pagamento de 13º para beneficiário do Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Quarta, 25/03

✓ Vence o prazo para apresentação de emendas à MP 925/20, sobre medidas emergenciais para a aviação civil brasileira em razão da pandemia da covid-19.

✓ O IBGE divulga o IPCA-15 de março.

Quinta, 26/03

✓ Termina o prazo da Medida Provisória 900/19, que prevê a contratação de banco público, sem licitação e por um prazo de dez anos, para gerir um fundo com os recursos da conversão de multas ambientais.

✓ Divulgação * Trimestral de Inflação*.

Sexta, 27/03

✓ Chega ao fim o mandato de Aurelio Amaral na diretoria da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

✓ Acontece a divulgação do IBC-Br (prévia do PIB) de janeiro pelo BC.

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há nove anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!