Dias atrás, o auxílio-mudança na Câmara Federal causou polêmica, principalmente no Distrito Federal, já que os parlamentares do DF fazem jus ao valor, mas não precisam.

Alguns afirmaram à imprensa que abririam mão. A Érika Kokay (PT, por exemplo. Outros não haviam se manifestado ainda. Alberto Fraga embolsou.

Leia Também:  Com a crise, Ibaneis fala em cortar horas-extras

Dessa vez, a deputada federal Bia Kicis, eleita pelo DF, abriu mão para não receber o auxílio-mudança de R$ 33,7 mil.

Os valores são garantidos por decreto, e os parlamentares não precisam declarar como gastaram a quantia.

 

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Luis Fuguete
Luis Fuguete
1 ano atrás

Em meu ponto de vista esse auxilio é mais uma absurdo que o Congresso criou.

Odir Ribeiro

Odir Ribeiro é jornalista, blogueiro e multimídia que desde 2011 cobre os bastidores da política do DF.