Causou revolta entre os servidores da saúde pública do Distrito Federal o silêncio dos senadores Leila do Vôlei (PSB), Reguffe (sem partido) e Izalci Lucas (PSDB) diante da votação que transformou o Instituto Hospital de Base em Organização Hospitalar.

Fácil entender.

Leila é do partido de Rodrigo Rollemberg, que implantou o modelo do instituto Hospital de Brasília. Não iria ser contra agora.

Izalci Lucas é de direita, partido que tem como histórico a privatização de serviços públicos para melhorias no atendimento para a população – é o que defendem.

E Reguffe…Bem, Reguffe foi Reguffe.

Este post tem um comentário

  1. João Oliveira

    Reguffe defendeu a volta da Fundação Hospitalar do Distrito Federal. Ele está corretíssimo. Era muito mais ágil e menos burocrático do que agora.

Deixe uma resposta

Odir Ribeiro

Odir Ribeiro é jornalista, blogueiro e multimídia que desde 2011 cobre os bastidores da política do DF.