Em seu perfil no Twitter, a deputada federal Bia Kicis (PSL) manifestou seu apoio ao projeto de lei que prevê a castração química para estupradores.

Ao assinar o requerimento, Bia Kicis mostrou a necessidade de se votar a proposta urgentemente.

“Assinei requerimento de urgência, apresentado pelo deputado Filipe Barros, para votarmos o projeto de lei do deputado Eduardo Bolsonaro de castração química para estupradores”, escreveu.

Ao Portal Rádio Corredor, Bia falou em buscar medidas mais eficazes de proteção a mulheres e crianças.

“Precisamos buscar soluções efetivas para proteger mulheres e até crianças da violência sexual. A castração química para estupradores é uma alternativa viável”, destacou a parlamentar ao Portal.

A proposta foi lançada, nesta segunda-feira (17), e é similar a um texto de autoria do presidente Jair Bolsonaro, apresentado quando ele ainda era deputado. Na altura, o projeto foi arquivado.

Leia Também:  NOVO com práticas velhas

A submissão ao procedimento, portanto, seria um caminho para a progressão da pena.

Novo contexto para o projeto

A proposta foi lançada após o estupro de uma menina de 10 anos de idade por um tio ao longo de quatro anos. A criança teve que ser submetida a um aborto legal na noite do domingo (16). O caso aconteceu no Espírito Santo, mas a menina teve que ser transferida para Recife, em Pernambuco, para ter acesso ao procedimento.

5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há nove anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!