Que os carros elétricos chegaram com tudo já não é novidade.  A cada dia mais e mais países anunciam o fim do uso de combustíveis fósseis nos automóveis. Para o mercado, só resta se ajustar e isso já está acontecendo. Em Brasília, os carros compartilhados chegaram com tudo.

O compartilhamento dos veículos chegou à cidade por meio do Programa Vem DF, fruto de uma parceria entre o Governo do Distrito Federal, a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e o Parque Tecnológico de Itaipu (PTI). O investimento da agência nos carros e pontos de recarga é de R$ 2,1 milhões. Em princípio, o Vem DF teria rota restrita à Esplanada dos Ministérios e a sedes dos órgãos da administração do DF. Os veículos elétricos têm autonomia de até 100 Km e velocidade de até 80 Km/h.

No próximo dia 28 de novembro, a Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados vai realizar uma audiência pública sobre o tema. O evento foi idealizado pelo deputado federal Julio César Ribeiro (Republicanos-DF), com o intuito de debater o uso dos veículos e analisar os impactos e desafios da inserção dos mesmos no mercado brasileiro

 

“A utilização do veículo elétrico tornou-se mais uma opção de mobilidade aqui na cidade. Estamos nos referindo a um tema recente e por isso acho necessário debater este assunto, uma vez que o nosso objetivo é provocar subsídios que possam levar a uma utilização adequada, já que o governo local pretende transformar Brasília em uma cidade totalmente inteligente”, declarou o proponente, deputado Julio Cesar Ribeiro.

Deixe uma resposta

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há dez anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!