Daniel Donizet (PSDB) conversou com o portal Rádio Corredor sobre a reabertura de todos os setores da economia do Distrito Federal.

Foi perguntado ao parlamentar qual é a sua posição sobre a reabertura de todo o comércio no Distrito Federal. Daniel é a favor.

“Sou a favor da reabertura gradual do comércio desde que cumpridas regras rígidas de prevenção à Covid-19.

Donizet disse ainda que “o número de casos da doença aumenta a cada dia, mas o desemprego e falências também”. E que “é preciso chegar em um meio termo”.

“Caberá ao Governo estabelecer as regras e aos comerciantes e população cumprir com todas elas de forma criteriosa.”

O parlamentar também falou sobre o prejuízo amargo no comércio.

“É preciso ter consciência de que a reabertura é necessária neste momento para que as empresas parem de sangrar. Mas se ela for mal feita, o estrago pode ficar ainda pior caso medidas extremas sejam necessárias como o lockdown.”

De acordo com o Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Brasília, por exemplo, 20% dos estabelecimentos do DF não resistiram os três meses sem abrir as portas e fecharam definitivamente, causando a demissão de 30 mil trabalhadores e um prejuízo de R$ 750 milhões.

Leia Também:  O Passarinho Sextou

Caso as atividades fiquem suspensas por mais tempo, estimam, o rombo chegará a R$ 1,8 bilhão.

Dependendo do controle gráfico das infecções, salões de beleza e academias, por exemplo, já poderão reabrir com restrições a partir do próximo dia 07 de julho.

Já no dia 15 de julho, será a vez de bares e restaurantes.

Assim como Daniel Donizet, os colegas Hermeto (MDB) e Júlia Lucy (Novo) também estão de acordo, desde que a retomada das atividades econômicas garantam as vidas dos brasilienses.

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há dez anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!