A proposta que prevê auxílio emergencial para atletas, paratletas, técnicos e auxiliares dos paratletas, no valor de R$ 600,00 durante o período de 3 meses foi aprovada ontem na CLDF.

O projeto é de autoria do deputado Martins Machado (Republicanos). O valor será custeado pelo Fundo de Apoio ao Esporte.

Para ter direito ao benefício, no entanto, o atleta tem que ser maior de 18 anos, estar vinculado a federação da modalidade, não ter recebido nenhum auxílio do Governo Federal e nem distrital, não possuir patrocínio público ou privado e não ser beneficiário do Bolsa Atleta.

Leia Também:  Sabe tudo

De acordo com o presidente da Frente Parlamentar do Esporte na CLDF, a proibição da prática esportiva vem causando diversos transtornos aos atletas e paratletas, principalmente, aos que dependem do esporte para sustento próprio e de suas famílias.

“O momento é de união e de criarmos mecanismos para que possamos beneficiar todos que foram afetados diretamente com a pandemia e o esporte foi um deles. Esse auxílio não resolve, mas dá um alívio para esse segmento que não tem nem previsão de quando poderá retornar suas atividades”, disse Martins Machado.

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há nove anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!