A Lei Orgânica do Distrito Federal é clara: membros do primeiro escalão do GDF são obrigados a declarar publicamente seus bens a cada ano.

Apesar da determinação, na prática, grande parte dos gestores não informa as posses de forma pública e de fácil acesso. O problema se repete abaixo da cúpula da administração distrital, pois faltam mecanismos de controle do Imposto de Renda dos servidores.

Leia Também:  Senadora Leila Barros está com covid-19

Segundo a Controladoria-Geral do DF (CGDF), como ainda não há regulamentação desse dispositivo na Lei Orgânica do Distrito Federal, não há a divulgação sistematizada desses dados. Por essa razão, o órgão de controle pediu apoio da Secretaria de Economia para a regulamentação da lei, pois a pasta é responsável pela área central da política de pessoal do GDF.

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há nove anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!