Uma cena deixou o distrital Eduardo Pedrosa com uma pulga atrás da orelha. A mãe de Pedrosa precisou hospedar o cachorro em um hotel por alguns dias, mas ao buscá-lo se deparou com algo incomum nos dias de hoje: o cachorro estava com uma coleira de choque.

O uso do dispositivo que dispara choques elétricos nos bichos é considerado crime no DF.

Em outubro do ano passado, o governador Ibaneis Rocha (MDB) sancionou o projeto de lei da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) que proíbe o uso desses dispositivos. 

O parlamentar registrou uma denúncia aos órgãos competentes e aguarda as devidas providências.

Deixe uma resposta

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há dez anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!