A saída repentina do secretário de Educação Rafael Parente acabou, sem querer, mexendo no xadrez político.

O alvo de cobiça agora é a secretaria de Trabalho desejada por alguns distritais e está sendo levada em questão pelo palácio do Buriti.

Outra peça que poderia ser mexida é que sugeriram ao governador a nomeação de Risomar Carvalho na Administração de Samambaia já que o atual é meio “cabaço” e não sabe lidar com as lideranças porra-loucas.

Essas conversas foram ventiladas nas paredes palacianas. Nem sempre o que se pensa acontece. Mas com o Passarinho as palavras não se perdem ao vento.

Este post tem 3 comentários

  1. Paulo

    Impressionante como o mundo dá voltas. Risomar foi administrador de Samambaia na época do Agnelo e agora tá sendo cogitado a voltar pelas mãos do Ibaneis, que ataca tanto a esquerda…

    1. profjc65 junior

      surpreso ? política é tudo isso mesmo…os melhores são chamados de …sei la´o que…..mas a nova politica..tão prometida pelo dito cujo do Sr Dr governador……não vale da nada….
      Quem manda sao os distritais

  2. profjc65 junior

    ..e a “nova” política é anunciada…..SQN

Deixe uma resposta

Odir Ribeiro

Odir Ribeiro é jornalista, blogueiro e multimídia que desde 2011 cobre os bastidores da política do DF.