O presidente Jair Bolsonaro afirmou que o governo avaliará a possível recriação do Ministério da Segurança Pública.

O que muitos não sabem, é que, além de Rodrigo Maia, governadores colocaram o presidente contra a parede. Ibaneis Rocha é um deles, que tenta a todo custo interferir na recriação da pasta. E ele tem motivo para isso: há quase um ano, líderes da facção criminosa (PCC) foram transferidos para Brasília, trazendo mais insegurança à capital.

Leia Também:  Sedento por comando de sindicato

O governador, que está em pé de guerra com Sérgio Moro, chegou a dizer que o ministro demonstrou não conhecer nada de segurança pública.

É importante frisar que o secretário de Segurança do DF, Anderson Torres, encabeça o grupo de secretários que pede a volta da pasta. Torres, que disse estranhar o silêncio dos órgãos, chegou a ser cotado para assumir a diretoria da Polícia Federal.

 

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há nove anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!