Os deputados distritais derrubaram, semana passada, veto do governador Ibaneis Rocha ao projeto que previa concessão de adicional de insalubridade máxima a funcionários públicos que atuam na prevenção e no combate a pandemias.

A matéria havia sido aprovada na Câmara Legislativa em dois turnos, em abril passado, mas não recebeu aval do Palácio do Buriti. A norma vai alterar o regime jurídico de servidores públicos civis, autarquias e das fundações para estabelecer novos critérios para o adicional.

“É a Constituição Federal que garante ao trabalhador o direito de receber o adicional quando, no exercício da profissão, for colocado em risco, inclusive biológico”, afirmou a deputada distrital Arlete Sampaio (PT), autora do texto.

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há nove anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!