Justiça mira Paco

O Ministério Público do Distrito Federal (MPDFT) está de olho em  Paco Britto (PSB). O órgão abriu uma apuração preliminar para investigar se houve promoção pessoal do vice-governador, durante comemoração do aniversário do Assentamento 26 de Setembro, em Taguatinga.

No evento havia um boneco que o representava. Paco fez promessas de obras na região, citando o nome do governador Ibaneis Rocha (MDB). Segundo ele, o dinheiro (R$ 1,2 mil) para fazer boneco saiu do próprio bolso. O objetivo do boneco era alegrar a criançada que estava no local.

A apuração foi aberta pela Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e Social. O caso, no entanto, poderá ser enquadrado como improbidade administrativa caso seja confirmada a promoção pessoal.

Sem boneco: Paco Britto afirmou que não vai mais usar o boneco. Pelo menos até que haja uma decisão da Justiça.

Autor

Raad Massouh na Resenha do Vicenzo em 20/10/21

20/10 às 20:00
Raad Massouh na Resenha do Vicenzo em 20/10/21

Horas
Minutos
Segundos
Estamos ao vivo