A Câmara Legislativa derrubou, ontem, o veto do governador Ibaneis Rocha ao projeto de Lei que autoriza a criação de uma linha de crédito emergencial. A proposta é de autoria do deputado distrital Fábio Felix.

Segundo o texto, o BRB poderá criar uma linha de capital de giro destinada à manutenção da produção e para garantia do pagamento de salários dos empregados das empresas beneficiadas.

O crédito, porém, será oferecido a juro zero. Em contrapartida, as micro e pequenas empresas não poderão demitir os funcionários e deverão apresentar um plano de manutenção de empregos.

Para Fábio Felix, o momento é propício para este tipo de iniciativa, já que o BRB fechou balanço anual que aponta maior lucro da história do banco.

“Segundo dados das entidades de classe, mais de duas mil micro e pequenas empresas já fecharam as portas no DF. Os balanços do BRB demonstram lucro capaz de garantir apoio aos empreendedores sem comprometer a saúde financeira do banco.

Ainda de acordo com Felix, os trabalhadores precisam de amparo e os estabelecimentos  de garantias, pois dessa maneira não entram em falência.

“Se a proposta tivesse sido sancionada pelo governador há um mês, quando foi aprovada, não teríamos o triste cenário de pelo menos 45 mil demissões, isso só pelo levantamento do Sindivarejista”, concluiu.

 

Leia Também:  Última forma

 

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há dez anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!