Gizz Sousa foi apontada como estelionatária responsável por crime contra grupo chamado  Mulheres Bolsonarianas.

 

Não é de hoje que Gizz Sousa figura nas páginas policiais. A suspeita de estelionato contra o grupo de mulheres, autodenominado de “Bolsonarianas” já é indiciada por formação de organização criminosa, segundo investigações da Polícia Civil do Distrito Federal.

Ela ficou conhecida por integrar um grupo de youtubers que fazem críticas ao deputado federal Luis Miranda (DEM-DF) e o acusando de ser um estelionatário. Giss chegou a dar entrevistas a veículos de comunicação como representante de uma ONG de combate à corrupção. E, neste caso, o CNPJ desta entidade estava baixado, isso quer dizer inexistente, aos olhos da lei.

Leia Também:  Ele te conta

Depois de fazer um escarcéu com o nome do deputado Luis Miranda, agora Gizz se vê no epicentro de um caso de estelionato, mesmo crime que ela mesmo imputou ao parlamentar.

Quem diria. O mundo dá voltas!

gizz1 128x170 - Na mira da PCDF por estelionatogizz2 128x170 - Na mira da PCDF por estelionatogizz3 128x170 - Na mira da PCDF por estelionato

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Simone Leite

Jornalista há 12 anos, Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há 8 anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!
Fechar Menu