Ao encontrar irregularidades em folhas de pagamento do governo do Distrito Federal (GDF) no ano de 2018, a Controladoria Geral do Distrito Federal (CGDF) apontou que a Secretaria de Educação e a Secretaria da Saúde pagaram a remuneração de servidores e pensionistas mortos.

O prejuízo foi de mais de R$ 900 mil. Não há previsão de ressarcimento integral. Os pagamentos foram feitos por mais de 1 ano.

Leia Também:  Na Lata

A Secretaria de Educação informou que os pagamentos indevidos foram realizados devido à demora das famílias em comunicar o falecimento dos servidores.

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Simone Leite

Simone Leite atuou como repórter, produtora de TV, assessora de imprensa e editora de notícias. Há nove anos, atua diretamente na política, área que se diz apaixonada!