Relator do processo da Arenaplex, o ex-deputado distrital do PT e agora conselheiro do Tribunal de Contas do DF, Paulo Tadeu, votou pela continuidade da Parceria Público Privada do Mané Garrincha – veja mais aqui.

Em seu voto, Paulo Tadeu justificou o motivo da liberação, o que não deixa de ser preocupante.

“É preciso considerar os altos custos de manutenção do complexo esportivo e a probabilidade de a iniciativa privada ser mais eficiente na gestão do negócio”.

O seja, no popular, a gestão pública é incompetente.

Leia Também:  Resumo da Dança da Sucessão

Foram quase R$ 2 bilhões jogados fora…

vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Odir Ribeiro

Odir Ribeiro é jornalista, blogueiro e multimídia que desde 2011 cobre os bastidores da política do DF.